GATOS NÃO SE APEGAM AOS DONOS?

Zero apego pela minha mami

Oi, sumida! Muitos de vocês já devem saber que meu Mele se foi… há 20 dias. Eu prometo fazer uma homenagem bem lindona a ele, mas não será agora. Ainda dói muito e eu quero falar de coisas boas e não ruins. Portanto, deixa pra próxima. O que eu quero falar é sobre uma frase que minha mãe me falou neste final de semana. Eu fui visitá-la há duas horas daqui e ela queria que eu ficasse mais um dia. Falei que o Pinguinho, meu frajolícia, estava sozinho (sexta e sábado minha diarista ficou aqui, mas domingo eu queria voltar pra ele não ficar sozinho). E aí ela soltou a pérola que toooooooooodo mundo já deve ter ouvido (inclusive quem não tem gatos): “Gatos não se apegam aos donos”. Oi? Aí bóra lá que eu vou explicar pra todo mundo aí (não cientificamente, mas empiricamente, pois MENINOS, EU VI) como funciona…

Será mesmo que gatos não se apegam aos donos?

Claro que gatos são gatos e cada gato é um gato e não é por ser gato que o mesmo temperamento de gato vai valer pra todos os gatos. Certo? Certo. Mas os meus gatos gatíssimos e os de meus amigos e parentes e conhecidos etc. TODOS sim se apegaram, se apegam e se apegarão muito aos donos. Eu vou falar aqui do Pingo, porque 1. não tenho cabeça e coração pra falar do Pam ainda e 2. ele é o gato mais gato apegado aos donos que eu conheço.

Então, me diz aí. Se gatos não se apegam aos donos, por que será que o Pinguinho persegue a gente por todos os lados da casa e se fica muito tempo sozinho em algum cômodo já sai procurando a gente e fica ali do ladinho?

Se gatos não se apegam aos donos, por que ontem, quando chegamos – eu e meu marido – de dois dias fora, o Pingo veio lá do nosso quarto num miadinho esquizofrênico como se perguntasse “por queeeeeee me abandonaram”? E por que será que depois disso ele não largou da gente até a gente ir dormir e daí também dormiu com a gente, acordou a gente de madrugada (como sempre), etc.?

Se gatos não se apegam aos donos, por que o Pingo sobe no meu ombro, acaricia a cabeça dele na minha e come meu cabelo?

Se gatos não se apegam aos donos, por que ele ama dormir de túnel embaixo das pernas do meu marido e em cima da minha barriga ou costas? Tudo bem, ele certamente quer dominar o território e ser dono da gente, mas isso não seria… digamos… hmmmm… apego?

E por que todo santo dia pela manhã, quando eu vou fazer xixi, ele pula no meu colo e ronroooooooooona ronrooooooooona ronrooooooona e pede carinho carinho e mais carinho? E idem com meu marido na hora do número 2? Oooops…. too much information.

Por que também ele passa os sábados e domingos preguiçosos juntinhos com a gente, na cama? E mal sai pra fazer xixi, cocô, comer e tudo mais?

E, finalmente, se gatos não se apegam aos donos, por que a gente ama taaaaaaaanto eles e tem certeza absoluta que eles também nos amam? Aliás, aqui neste post tem bastante informação de como reconhecer o amor de seu gato.

Não sinto nada pelo meu papi. Nadinha.

E aí? Os meles de vocês também não sentem nada por vocês? Conta aí!

Related posts:

Cristine Correa
cristine@loucosporgatos.com.br
1Comment
  • fabio
    Posted at 17:55h, 28 July

    sim meu gato me ama e eu saio correndo ele corre atras e se esfrega em mim o dia inteiro
    adoro

Post A Comment